RSS

Clima Pesado

24 fev

Publicado originalmente no jornal Folha de São Paulo, em 15 de fevereiro de 2009. Mike Davis, urbanista, professor da Universidade da Califórnia é autor dos livros Planeta Favela e Cidades Mortas, defende a redistribuição do poder global para combater os efeitos ambientais da crise econômica.

 

Mike Davis – Os desastres climáticos da última década quase destruíram a indústria global de seguradoras e contribuíram para a perigosa e recente inflação nos preços de grãos. Mas a mudança climática não assumiu um papel central na geração de um colapso econômico, embora tal conjuntura seja previsível. Por outro lado, graças à crise e à campanha de Obama, o “Keynesianismo verde” emergiu como uma idéia poderosa que poderia reagrupar o movimento ambiental e os sindicatos em torno do investimento público no emprego, gerando investimentos públicos em infra-estrutura verde.

 

Corporações lobistas, naturalmente, aceitam o slogan de que uma infra-estrutura verde está tão distante quanto a possibilidade de transformar uma política para indústria de alta tecnologia e riscos capitalistas. Entretanto a simples introdução da idéia no discurso público é um progresso e oferece uma nova ligação entre verdes e trabalho.

 

Mike Davis – Clima atípico é clima. Os indícios científicos ligados ao aquecimento global não são visíveis apenas em algum caso em particular. Por essa razão, um observador prudente hesitaria em atribuir a nevasca em Londres e mesmo o furacão Katrina a uma mudança climática antropogênica. Por outro lado, a incidência de colapso dos sistemas urbanos por eventos climáticos extremos tem aumentado. Serão necessários trilhões de dólares para adaptar as cidades, mesmo as ricas, ao clima novo e “normal” que está chegando.

Anúncios
 
Comentários desativados em Clima Pesado

Publicado por em 24/02/2009 em Uncategorized

 

Tags: ,

Os comentários estão desativados.

 
%d blogueiros gostam disto: